19 de fev de 2016

A nova história da Primeira Mulher, de Miranda.

Como um sincero presente de agradecimento por você compartilhar o convite da Benção Mundial do Útero com as mulheres ao redor do mundo, a Miranda escreveu uma nova história da Primeira Mulher... 

O sol estava quente no rosto da Primeira Mulher, enquanto ela se sentava encostada ao tronco de uma árvore. A neve ao seu redor cintilava com lampejos de rosa, dourado e turquesa. Por debaixo da neve, as primeiras folhas de grama e flores brancas começavam a aparecer.
A Primeira Mulher ouviu o tilintar de pequenos sinos e levantou-se, quando uma jovem mulher vestindo uma capa branca com sinos prateados em seus cabelos, apareceu à sua frente. A visitante acenou à Primeira Mulher, e dentro do manto dela, a Primeira Mulher viu um flash de um verde vibrante.
 “Hora de correr?" A Mulher Lebre perguntou. “A Lua Crescente cresce em seu útero."
 A Primeira Mulher sentiu a tigela do seu útero agitar-se, e uma energia cintilante a rodeou, fazendo-a querer rir e dançar.
 - "Sim". Riu a Primeira Mulher. "Vamos correr!"
Elas correram através da floresta, através do vale e sobre o rio. Cada passo tornava-se mais largo, até que correram de alto da montanha a alto de montanha. Conforme elas corriam, mais Mulheres Lebres juntavam-se a elas com passos de dança e sons de sinos, e o gentil e caloroso ar da primavera espalhou-se atrás delas, como um manto de um novo despertar.
Finalmente, elas voltaram para a casa da Primeira Mulher. A Primeira Mulher sentia-se feliz, energizada e pronta para começar um novo mês. Ela colocou suas mãos sobre seu útero e sussurrou: “Obrigada, Moon Mother pelo seu presente”.
A Primeira Mulher preparou o café da manhã para a Mulher Lebre, e conforme o fazia, planejava suas tarefas, arrumava sua casa, organizava suas roupas e conversava com a mulher. Foi bom ter estado lá fora, com as mulheres, fazendo coisas novamente.
Da “História da Primeira Mulher”de Miranda Gray:
 
- Hora de correr? A mulher lebre perguntou - A Lua Crescente cresce em seu útero. 
A Primeira Mulher sentiu a tigela do seu útero agitar-se, 
e uma cintilante energia a rodeou, 
deixando-a com vontade de rir e dançar. 
- Sim! - Riu a Primeira Mulher - Vamos correr! 
Corra com a Mulher Lebre que habita em você... 
Organize seu grupo de Benção do Útero!
 
Leia o artigo no Blog da Benção do Útero 
> Como conduzir um Grupo de Benção Mundial do Útero.

Todos os meses, durante sua fase da Donzela – sua fase pré-ovulatória ou durante a Lua Crescente – dê as boas-vindas as suas energias renovadas, mova seu corpo novamente, use sua mente e dance e brinque com a Mulher Lebre que existe dentro de você. Nesses poucos dias, você tem o presente da Moon Mother de renovar a autoconfiança, tornar-se sociável novamente e ser capaz de cumprir múltiplas tarefas e criar seus sonhos.
Então, agora é hora de organizar seus Grupos da Benção Mundial do Útero! Você irá se sentir confiante e entusiasmada, e será uma inspiração para outras mulheres!

Nenhum comentário:

Postar um comentário