16 de abr de 2016

16 DE ABRIL - Celebração do Dia

Celebração asteca de Coatlicue, a deusa da vida e da morte, representada adornada com serpentes, penas e colares de caveiras. 

Segundo a lenda, Coatlicue, embora fosse virgem, deu à luz o deus Quetzalcoatl, ficando grávida pelo toque das penas brancas que enfeitavam seus seios. Considerada a criadora primordial, preexistente a qualquer outra criação, ela governava também a morte, definindo o prazo de vida de todas as criaturas.

Festival da deusa egípcia Bast, a deusa solar com cabeça de gato que representava o poder fertilizador do Sol, enquanto que sua irmã, Sekhmet, com cara de leão, simbolizava o calor destruidor do Sol.

Festival anual Hiketeria, dedicado a Apolo, o deus grego do Sol.

Antiga data no calendário caldeu honrando Levanah, a deusa da Lua Minguante, controladora das marés. Posteriormente, Levanah foi renomeada pelos gregos como Selene e pelos romanos como Luna.


Nesta data, ocorreu uma das aparições de Maria à menina Bernadette, em Lourdes, na França. O local da aparição era um antigo lugar sagrado da deusa Perséfone.


*informações extraídas do livro “O Anuário da Grande Mãe”, de Mirella Faur.
 http://www.teiadethea.org/

Nenhum comentário:

Postar um comentário