20 de mai de 2016

DanzaMedicina - Dia 15 #ODiarioDaLuaVermelha

Dia 12 #ODiarioDaLuaVermelha

Construindo nosso pote mágico ✨🔮✨


O nosso ventre sagrado é muitas vezes simbolizado por vaso, um pote, um caldeirão; trazendo em nosso inconsciente coletivo informações sobre o poder alquímico, criador e transformador de nosso útero. 

Convido você a uma experiência simples, mas profundamente curadora seu nosso corpo, mente e espírito de mulher (você pode convidar suas amigas e fazerem isso juntas!). Escolha um recipiente que possa simbolizar o seu útero sagrado, pode ser de qualquer material orgânico: Cerâmica, ferro, prata, vidro, etc, você irá sentir qual deles é para você. 

O ideal é que ele seja grande o bastante para caber coisas dentro. E pequeno o bastante para que você possa transportá-lo com facilidade.

Dentro deste recipiente, vá colocando coisas que possam representar aspectos do seu feminino que você deseja cultivar. Sonhos, desejos, qualidades, aspirações; Cada um com um significado específico. 

Pode ser um amuleto, um cristal, sementes, flores, conchas do mar... Coisas que você guarda com você e/ou que encontra na natureza; Todo e qualquer objeto de poder! 

Experimente montar o seu pote em um lugar especial e silencioso, de preferência na natureza, onde você possa estar sozinha ou com suas amigas para fazerem como um simbólico ritual; firmando seus rezos, suas intenções e agradecendo pelas bençãos recebidas e que irão receber! Se for possível deixe seu pote ao ar livre durante esta primeira noite; se ativando e se energizando sob a luz da lua. 

Durante o ciclo de uma lua, experimente levar este pote para onde você puder, como uma prática diária. 

Após o ciclo desta lua, coloque-o em um altar e mantenha seus cuidados, trocando suas flores, ascendendo velas e incenso, jogando essências e perfume. 

Quando quiser, leve seu pote de volta à para a natureza, para próximo do mar, de uma cachoeira, para tomar sol ou dormir sob o luar... A cada novo cuidado, se perceba nutrindo e abençoando seu feminino, zelando por tudo aquilo que é importante para ti, como mulher! 

Texto: Morena Cardoso @danzamedicina 
Fotografia: @camilla_albano

{REPOST} Texto de Morena Cardoso do site DanzaMedicina

Nenhum comentário:

Postar um comentário